fbpx
Tempo de Leitura: 10 minutos

Como usar o marketing de conteúdo a favor do meu negócio?

Você deseja que sua empresa seja vista como autoridade e referência no seu segmento? Quer ser encontrado na internet por potenciais clientes que ainda não te conhecem e vender mais?

Quer aproximar sua relação com seus clientes e fazer com que eles comprem novamente e se tornem defensores da sua marca? O marketing de conteúdo é o caminho para realizar esses planos.

A internet mudou drasticamente a relação das pessoas com o consumo. Não apenas por causa do e-commerce (que foi ainda mais impulsionado pela pandemia), mas também em relação às compras em lojas físicas e mesmo nas negociações B2B. 

Se antes as pessoas tinham pouca informação sobre o produto ou serviço que iam comprar, atualmente basta fazer uma rápida pesquisa no Google ou em rede sociais para encontrar explicações sobre como funciona tal produto ou serviço, avaliações de quem já comprou, sugestões de outras soluções para o mesmo problema e uma infinidade de dados para ajudar na tomada de decisão. 

Você sabia que atualmente o Google registra cerca de 3,5 bilhões de pesquisas por dia em sua plataforma? E como sua empresa pode fazer parte dessa conversa? Com marketing de conteúdo. 

Mas afinal, o que é marketing de conteúdo?

O marketing de conteúdo é uma estratégia que utiliza a criação e publicação de conteúdos de qualidade na internet (ou fora dela, exemplo: receitas de bolo nas caixinhas de leite condensado ou publicações impressas promovidas por empresas, como revistas e jornais) para atrair, nutrir e fidelizar clientes.

Em cada uma das etapas do funil de vendas ele atua com objetivos específicos:

Atrair

Essa é a fase chamada de topo de funil, em que se espera alcançar o máximo de volume de pessoas interessadas em temas relacionados ao seu produto ou serviço de sua empresa.

Aqui a ideia é publicar conteúdos bastante amplos para quem não necessariamente conhece a sua empresa, mas que está pesquisando na internet por assuntos que envolvam o universo em que sua marca está inserida. 

Nutrir

As publicações feitas para trabalhar nutrição com marketing de conteúdo devem ser estrategicamente pensadas para subsidiar o potencial cliente com as informações necessárias para derrubar as objeções de compra, de maneira que ele entenda o valor do produto ou serviço que você está vendendo.

Nesse momento, a ideia é contribuir para a tomada de decisão, convertendo o interessado em cliente. Esses são conteúdos de meio e fundo de funil. 

Fidelizar

O conteúdo de qualidade, que ajuda o cliente nas demandas que ele possui no dia a dia, faz com que o cliente volte frequentemente ao seu site ou perfil de rede social para consultar as informações publicadas.

É assim que o marketing de conteúdo faz com que sua marca seja referência em seu segmento e transforma seus clientes em fiéis defensores da sua marca.  

Mas para que essa técnica funcione, as pessoas precisam ver valor de fato no conteúdo publicado, ou seja, as informações divulgadas por sua empresa devem ser úteis para solucionar o problema que os clientes (ou potenciais clientes) querem resolver. 

Por isso, a lógica por trás do marketing de conteúdo é centrar o planejamento nas necessidades de quem vai comprar e isso quer dizer que você não vai falar somente sobre o seu produto.

Essa técnica tem um viés mais informacional do que publicitário. A ideia é: se uma marca quer se tornar referência e autoridade em seu segmento, ela deve abordar temas de amplo interesse desta área, não apenas falar do que ela mesma vende.

Por que eu devo investir em conteúdo que não fala diretamente da minha marca?

Se você quer alcançar novos clientes e ser encontrado por pessoas que tenham potencial de comprar do seu negócio, mas que ainda não conhecem sua marca, é necessário entender quais as necessidades dessas pessoas e como elas procuram por essas demandas na internet. Se elas não conhecem sua empresa, certamente não procurarão pelo seu nome. 

Por exemplo: se você vende um software de gestão de projetos para empresas. Líderes de companhias que estão com problemas para gerenciar vários trabalhos ao mesmo tempo e não sabem que sua marca existe podem encontrá-la numa busca no Google se você tiver publicado em seu site ou perfil de rede social um conteúdo com o título “como organizar a gestão de projetos e não perder nenhum prazo”.

O marketing de conteúdo tem o propósito de ajudar quem tem um problema a resolvê-lo. A estratégia é fazer com que a pessoa avance na jornada de compra até o ponto de fechar um negócio.

Para isso é importante entender o momento em que o potencial cliente está e nem sempre ele se encontra na fase de receber informações de produto.  

Dessa forma, o marketing de conteúdo funciona para educar o mercado sobre o segmento de atuação de sua empresa. Com publicações sobre como funcionam as atividades e processos em sua área, quais as características do setor, por exemplo, você esclarece para o público em geral a importância do produto ou serviço que está vendendo.  

O objetivo de não falar exclusivamente de seus produtos e serviços é ser visto como uma marca que realmente se propõe a ajudar e não como aquela que quer vender a qualquer custo, sem se importar com seu cliente. 

Tem comportamento mais chato no meio corporativo do que o de empresas (e pessoas) que só sabem falar do próprio umbigo, não sabem ouvir e não se colocam no lugar do outro, entendendo o que o outro precisa? Essas atitudes afastam mais os clientes, portanto não são tão efetivas para resultados sustentáveis. 

Como funciona o marketing de conteúdo na prática?

A aplicação do marketing de conteúdo funciona a partir da publicação em diversos formatos. Para qualquer formato escolhido, duas ações são essenciais: regularidade e divulgação.

De nada adianta publicar conteúdos de vez em quando. Para obter resultados com marketing de conteúdo é preciso que a produção seja sistemática, periódica e com equilíbrio entre volume e qualidade. 

Também não é suficiente publicar e não divulgar o que está sendo feito. É verdade que, com o passar do tempo, à medida que sua marca ganhar autoridade, seu conteúdo tende a ficar na primeira página de pesquisa do Google, sendo mais facilmente encontrado, e as pessoas que conhecem sua empresa irão procurá-lo diretamente, mesmo que você não divulgue tudo o que está fazendo.

Porém, até lá, é essencial investir em ações de promoção em redes sociais, e-mail marketing, mecanismos de busca, etc. 

Confira alguns dos formatos utilizados nas estratégias de marketing de conteúdo:

Blog

Formato clássico para quem trabalha marketing digital. O blog é um canal para divulgação de conteúdo que funciona como um site de notícias especializado no nicho da sua empresa, com a vantagem de ser uma mídia própria, ou seja, 100% do conteúdo publicado está sob o seu controle. 

Um bom planejamento de blog posts deve ser feito a partir de estudos de persona e de volume de pesquisa das palavras-chaves que serão utilizadas, para que seu conteúdo esteja alinhado às demandas que os potenciais clientes estão procurando. 

Conteúdo rico

Formato que também é bastante comum nas estratégias de marketing de conteúdo. Aqui estão incluídos os e-books, infográficos, webinars, planilhas, entre outros. O conteúdo rico tem como característica principal ser mais aprofundado em relação ao blog post. 

Esse tipo de material é disponibilizado em landing pages (páginas com formulário para captura de dados), por isso precisa ter valor suficiente para que a pessoa se interesse e aceite fornecer suas informações de contato em troca de receber o conteúdo.

Em uma estratégia de marketing digital, o conteúdo rico tem a função de gerar leads que serão nutridos e futuramente podem se tornar clientes. 

Redes sociais

As redes sociais funcionam como canais para publicação de conteúdos próprios e divulgação dos conteúdos que foram publicados em outros locais, como blog ou landing pages.

Cada rede social possui características e públicos bem definidos, por isso é importante entender, dentre as inúmeras possibilidades (Facebook, Instagram, Twitter, Pinterest, Linkedin, YouTube, TikTok, Whatsapp etc.), quais se adequam à(s) persona(s) da sua empresa. 

Pode parecer simples, mas produzir conteúdo de qualidade e valor para seus clientes, embasado em uma estratégia que ajude a vender e trazer resultados, exige conhecimento de diversas áreas da comunicação. 

Se sua empresa quer ter uma presença digital forte e gerar leads com potencial de se tornar clientes utilizando o marketing de conteúdo, podemos te ajudar. Que tal marcarmos uma conversa e planejar estratégias que vão levar sua marca para outro patamar na internet?

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp